Horto

Antônio de Alencar Araripe

Nas centenas de vezes em que estive em sua residência, onde inexistia biblioteca… aí permanecendo horas a fio, nunca o vi ler qualquer livro, fascículo ou jornal, nem se referir ao respectivo conteúdo, a não ser quando remontava ao seu tempo de estudante ou professor.

Amália Xavier de Oliveira

O que foi possível fazer o Padre Cícero fez: fundou algumas escolas particulares, gratificando, do próprio bolso, alguns professores quando as mensalidades recebidas não cobriam suas despesas com a manutenção. Em 1896, graças a sua iniciativa foi instalada a escola feminina, sob a regência da Professora Isabel Montezuma da Luz. O Orfanato Jesus Maria José, […]

Fernandes Távora

O meu ilustre amigo Lourenço Filho afirma que não pôde conseguir a boa vontade do Padre Cícero no sentido de incrementar a instrução primária em Juazeiro. Eis outro paradoxo aparente, só compreensível e explicável pelos que conheceram intimamente os homens e as coisas daquela terra. Padre Cícero sempre amou a instrução e desejou vê-la difundida em sua […]

SOLENIDADE DE ENTREGA DE CERTIFICADOS DO CURSO DE AGENTE DE INFORMAÇÕES TURÍSTICAS

A solenidade aconteceu no último dia 19, segunda, às 19h no Horto do Padre Cícero, houve também a entrega de presentes e um jantar. Os alunos Hamilton, Leandra, Vanessa e Vinícius apresentaram um trabalho como resultado do curso, eles construíram duas maquetes que reproduzem as Romarias que acontecem na cidade de Juazeiro do Norte. A primeira representa: […]

A FESTIVA DEVOÇÃO À MÃE DAS DORES E AO “PADIM CIÇO”

No ano santificado pela misericórdia, tendo o Padre Cícero reconciliado pela Igreja Católica, o ciclo do calendário romeiro ganhou uma expressão ainda mais significativa e que compreende um tempo muito particular em Juazeiro do Norte. Para os fiéis, vindos das mais longínquas regiões do Nordeste e do país, setembro é mês de dias intensos, de […]

ROTEIRO DA FÉ ROMEIRA

O primeiro destino, depois de dar voltas no cajado do Padre Cícero e fazer visita ao Museu Vivo, é a trilha do Santo Sepulcro. A estrada é de chão batido, um percurso longo, cheio de pedras e areias, como no bendito dos romeiros. No dia em que a Liturgia da Igreja celebra a Festa da […]

OBJETOS DE DEVOÇÃO: SINAIS VISÍVEIS DA NOSSA FÉ

A primeira coisa que dona Maria Justina fez ao chegar à Colina do Horto foi comprar um rosário e mandar o padre “benzer”. Para ela, o rosário é uma forma de testemunhar sua fé e sua devoção à Mãe das Dores, tão incentivada pelo Padre Cícero. O costume de abençoar objetos de devoção como velas, […]

A ESPERANÇA NO “PADIM”

Quando a filha mais velha da pernambucana Michele Maria da Silva nasceu, uma notícia transpassou seu coração de mãe. Ela ouvira do médico que a criança, acometida por uma anemia falciforme, não vingaria muito tempo.  Mas ela não se abateu. Recomendou a menina ao Padre Cícero e a Mãe das Dores e viu, com esperança […]