Menu
Casa-Museu do Padre Cícero atrai milhares de devotos

Casa-Museu do Padre Cícero atrai milhares de devotos


Com o início da Romaria de Finados, também chamada da Esperança, a cidade de Juazeiro do Norte fica repleta de peregrinos de vários Estados do país. Estima que cerca de 500 mil romeiros devam passar pela “Capital da Fé”, até o encerramento, em 02 de novembro. Um dos

Os principais centros de peregrinação são as igrejas da Matriz, Salesianos, Franciscanos e Socorro, local onde está sepultado o corpo do Padre Cícero, a Colina do Horto e a casa-museu do Padre Cícero. Este último prédio, foi o local em que o patriarca morou até sua morte.

De acordo com diretor do prédio, João Paulo Fernandes, o museu deve receber, por dia, cerca de 6 mil fiéis durante a Romaria. Já no primeiro dia de Romaria, uma enorme fila se formou em frente a casa-museu. A casa-museu funcionará com horário estendido até a próxima terça-feira (02), das 7h as 17h30, com pequeno intervalo durante o almoço.

João Paulo ressalta que o local passa, gradativamente, por melhorias, que vão desde a restauração de peças centenárias à instalação de câmeras de segurança. O diretor avalia que o espaço deve ser bem guardado, para preservar a memória do Padre Cícero.

Espaços

DSC_7388Em um dos quartos do antigo prédio está a cama na qual Padre Cícero faleceu, em 20 de julho de 1934. O compartimento tornou-se sagrado para os romeiros. A maioria deles permanece por vários minutos a frente do último leito do Padim, seja agradecendo uma graça alcançada, ou pedindo algo em oração.

Na sala de estar da casa-museu, encontra-se sua biblioteca – hoje fechada para restauração – e, noutros cômodos, vários objetos que pertenceram ao religioso. Um deles é a maquete de uma Igreja que trouxe de Roma, a qual desejava ver construída na cidade.

João Paulo lembra que “a casa também foi o local onde o corpo do Padre Cícero foi velado. Em uma de suas janelas, a urna mortuária do sacerdote foi exposta para que todos pudessem prestar as últimas homenagens”.

Novidade

Este ano, além das tradicionais missas realizadas diariamente, as 9h e 16h, o espaço conta com uma exposição fotográfica do pesquisador Raimundo Araújo. Cerca de 30 imagens que retratam a vida do Padre Cícero estão expostas. A exposição permanece até o dia 02 de novembro.

DSC_7407

Assessoria de Comunicação
Horto do Padre Cícero



Eventos

  TOPO